Acontece na TV

Família Record não empolga e marca pior audiência dos últimos oito anos

Tradicional evento dos finais de ano, o Família Record não conquistou a atenção dos telespectadores da Grande São Paulo em seu primeiro episódio de 2021. O evento, que reúne os principais funcionários da emissora para uma troca de presentes, teve a sua pior audiência desde que foi transformado em um formato independente e, consequentemente, ganhou um espaço dentro da programação do horário nobre do canal. A confraternização não tinha um desempenho tão fraco quanto o deste ano desde 2013, quando ainda era apenas um quadro do matinal Hoje em Dia.

De acordo com os dados consolidados de audiência, obtidos pela reportagem do TV Pop com fontes do mercado, a primeira noite do programa comandado por Carolina Ferraz e Igor Rickli alcançou média de 5,6 pontos na principal metrópole do país. Na comparação com as outras edições do formato, dividido em duas noites, o pior índice já registrado em uma primeira noite pertencia aos 7,1 pontos da edição de 2019, que contou com a apresentação de Sabrina Sato.

No ano seguinte, a titular do Ilha Record e do Gincana da Grana voltou a ser convocada para apresentar a confraternização. Porém, por conta das limitações provocadas pela crise sanitária, o formato foi completamente diferente dos anos anteriores. Ao invés da troca de presentes entre os jornalistas e artistas da emissora, o canal apostou em um formato assistencialista, com seus contratados contando histórias tristes para os telespectadores. Com exibição em apenas uma noite, a atração — que manteve o título Família Record — marcou média de 5,2 pontos.

Levando em consideração apenas o formato original, com a confraternização de funcionários, a edição de 2021 do evento caminha para o pior desempenho da história. Com o índice obtido na primeira noite, o programa precisará ter média de pelo menos 7,8 na noite desta terça-feira (21) para conseguir superar o ano de 2019, que era responsável pela festa menos assistida até então, com média de 6,6 pontos. Os melhores índices, por sua vez, remetem ao ano de 2016: 11,0 pontos no acumulado das duas noites, com média de 12,3 no primeiro episódio.

A seguir, confira o histórico de audiências do formato desde que a troca de presentes entre os apresentadores da emissora se transformou em um programa independente:

ANOAPRESENTADORESMÉDIA
2016Camila Rodrigues e Sérgio Marone11,0
2015Sabrina Sato e Gugu Liberato10,3
2018Ana Hickmann e Rodrigo Faro8,4
2017Fábio Porchat e Sabrina Sato7,8
2014Celso Zucatelli, Chris Flores e Edu Guedes7,4
2019Sabrina Sato6,6
2021Carolina Ferraz e Igor Rickli5,6
2020Sabrina Sato5,2

Confira as audiências obtidas pelos programas das principais emissoras de TV nesta segunda-feira (20):

MÉDIA DIA (07h00/00h00)12,8
Bom dia SP7,6
Bom dia Brasil7,6
Mais Você6,1
Encontro com Fátima Bernardes6,0
SP19,4
Globo Esporte9,7
Jornal Hoje10,0
O Cravo e a Rosa10,2
Sessão da Tarde: O Expresso Polar9,7
Vale a Pena Ver de Novo: O Clone13,2
Malhação13,4
Nos Tempos do Imperador15,6
SP218,4
Quanto Mais Vida, Melhor!20,7
Jornal Nacional24,8
Um Lugar ao Sol24,4
The Voice Brasil16,6
Passaporte Para Liberdade – Estreia11,1
Jornal da Globo7,1
Vai Que Cola5,9
Corujão4,2
Hora 13,7
MÉDIA DIA (07h00/00h00)5,7
Balanço Geral Manhã2,0
Balanço Geral Manhã SP2,7
Fala Brasil3,0
Hoje em Dia3,4
Jornal da Record 24h Manhã4,1
Balanço Geral SP6,0
Prova de Amor6,1
Jornal da Record 24h Tarde I5,0
Cidade Alerta6,8
Jornal da Record 24h Tarde II5,1
Cidade Alerta SP7,9
Jornal da Record8,5
A Bíblia7,8
Quando Chama o Coração7,2
Família Record5,6
Jornal da Record 24h3,4
Especial Edir e Ester – 50 Anos de Casamento1,3
Igreja Universal0,6
MÉDIA DIA (07h00/00h00)4,5
Primeiro Impacto3,3
Vem Pra Cá3,0
Bom dia & Cia4,0
Casos de Família3,5
Roda a Roda Jequiti3,1
Fofocalizando3,3
Mar de Amor4,3
Amanhã é Para Sempre5,6
Te Dou a Vida6,5
SBT Brasil5,8
Carinha de Anjo7,3
Programa do Ratinho5,5
Arena SBT2,9
The Noite2,7
Operação Mesquita2,3
O Melhor do Conexão Repórter2,3
SBT Brasil (reapresentação)2,4
Primeiro Impacto2,5

Cada ponto representa 76.577 domicílios e 205.377 indivíduos na Grande São Paulo.
Dados cedidos pelas emissoras

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *