Maranhão

São Luís e mais 21 capitais cancelam festa de Réveillon. Apenas uma terá show

Vinte e duas capitais não terão festas de Réveillon, e quatro – Rio Branco (AC), Natal (RN), Recife (PE) e Rio de Janeiro (RJ) – optaram por promover apenas queimas de fogos.

Boa Vista (RR), por sua vez, será a única que promoverá shows durante a virada de ano. Na capital roraimense, artistas locais de diversos gêneros, como sertanejo, eletrônico, pop rock, MPB, foram convidados pela prefeitura para se apresentarem no Parque do Rio Branco.

São Luís

A Prefeitura de São Luís informou que não realizará festas públicas de Réveillon em decorrência do surgimento da nova variante do coronavírus. Quanto aos eventos particulares, estes seguem decreto do Governo do Estado que estabelece as regras sanitárias e públicos permitidos para estas celebrações. Informou, ainda, que não exige da população passaporte vacinal.

Sobre as festividades do Carnaval 2022, a Prefeitura ressalta que o assunto será tratado em momento oportuno. O município segue monitorando os números e casos da doença na cidade.

Os dados fazem parte de levantamento feito nas 27 capitais do país. A reportagem entrou em contato com as prefeituras e governos locais para saber se haverá festas de fim de ano e se algo já foi decidido sobre o Carnaval 2022. Veja o mapa com as informações mais abaixo.

“Apesar de termos uma população com um número alto de vacinados, o que estamos observando fora do país é que mesmo as pessoas vacinadas estão adquirindo a Covid via variante Ômicron”, explica o infectologista Julival Ribeiro, da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI).

“A Ômicron é altamente transmissível. Portanto, evitar aglomerações, locais fechados e sem ventilação é a medida mais coerente”, complementa o especialista.

Quatro capitais se anteciparam, inclusive, e já cancelaram o Carnaval de 2022. São elas: Belém (PA), Teresina (PI), Cuiabá (MT) e Campo Grande (MS).

O prefeito de Fortaleza (CE), José Sarto (PDT), anunciou o cancelamento dos recursos que seriam usados no ciclo carnavalesco na capital cearense. “São quase R$ 14 milhões. Vamos usá-los para proteção alimentar, saúde e o incentivo à cultura. O nosso compromisso é com a saúde do fortalezense”, frisou.

A realização da folia do Rei Momo, no entanto, segue indefinida na maioria das capitais. Assim responderam 17 delas.

No Rio de Janeiro, o Comitê Especial de Enfrentamento à Covid-19 da Secretaria Municipal de Saúde recomendou que ainda não seja estabelecida nenhuma restrição à realização do evento.

Já a Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo informou que o Carnaval 2022 está sendo planejado. Pontuou ainda que a realização do evento está condicionada ao quadro epidemiológico relativo à pandemia de Covid-19 e ao entendimento das autoridades de saúde pública e sanitárias.

Veja o mapa de previsões para o Réveillon e o Carnaval:

Reveillon

Carnaval

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *