Maranhão

Fortes chuvas deixam mais de 600 famílias desabrigadas e desalojadas em municípios maranhenses

Mais de 600 famílias dos municípios de Mirador, Jatobá, Grajaú, Paraibano e Barra do Corda estão desabrigadas ou desalojadas, segundo o Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão. As cidades estão em situação de emergência por conta das fortes chuvas.

Trizidela do Vale, Pedreiras, Itapecuru-Mirim, Santa Rita, Pirapemas e Cantanhede seguem em alerta.

Em Mirador, a elevação do nível do rio Itapecuru provocou a destruição de casas, interrupção de vias públicas e deixou mais de 200 famílias desabrigadas e desalojadas. Equipes do Corpo de Bombeiros, viaturas e embarcações foram enviados aos municípios para, junto com agentes municipais, distribuir alimentos e medicamentos, além de removerem famílias situadas em áreas de risco.

Entre os prejuízos contabilizados em Mirador, estão a interdição de 20 estradas para povoados, transbordamento de quatro açudes, desabamento de 16 pontes e de nove casas.

Uma parceria entre o governo do Maranhão e a prefeitura de Mirador resultou na montagem de um ambulatório para prestar assistência em saúde de baixa complexidade a pacientes que não estão conseguindo acesso ao hospital. O ambulatório está funcionando na Escola Municipal Geraldo Sá, na sede da cidade. No local, é realizada a triagem para atendimento médico clínico, com medicação e testagem para detecção da Covid-19.

Profissionais da Força Estadual de Saúde (Fesma) também foram deslocados para Mirador e, além de atenderem no ambulatório, estão visitando os povoados isolados pela chuva com o auxílio do Centro Tático Aéreo (CTA).  

*Com informações da Central de Notícias

Você também pode gostar...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *