22/10/2021

Corporativismo? Acolhida denúncia Câmara do Crato pode cassar vereador Gabriel Figueiredo

A Câmara Municipal de Crato aceitou denúncia e iniciou processo que pode resultar na cassação do mandato do vereador vereador Gabriel Figueiredo (Pros). A denúncia acusa o parlamentar de exercer a advocacia contra órgãos governamentais e poderes públicos.

Esta semana, 16 dos 19 vereadores votaram a favor de acolher a denúncia. O próprio Gabriel Figueiredo votou favorável ao prosseguimento do processo, afirmando não ter nada a temer. O parlamentar ainda disse que o autor da queixa contra ele não teria capacidade intelectual de redigir a documentação que fundamenta a denúncia e, por isso, o denunciante estaria sendo usado como um laranja.

Tensão no legislativo

Aliado do deputado federal Capitão Wagner – que esta semana confirmou candidatura a governador do Ceará – Gabriel Figueiredo é o único vereador de oposição na Câmara de Crato. Assim, tem feito diversas críticas à gestão do prefeito Zé Aílton Brasil (PT).

Além disso, o vereador tem constantemente batido de frente contra a administração do presidente da Câmara, Florisval Coriolano (PRTB), questionando fatores como as despesas do Poder Legislativo.

Durante a votação sobre se a Câmara acolheria ou não a denúncia, o vereador prometeu expor os demais vereadores, um a um, perante a opinião pública. “Todas as situações e atos que possam levar à devida cassação” serão expostos, disse o parlamentar. “Não estou com medo e não vou rebaixar minha guarda”, acrescentou.

*Com informações do Jornal do Cariri

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desculpe, mas você não pode copiar o conteúdo desta página.