23/10/2021

Unileão lamenta a trágica marca de 500 mil vidas perdidas pela covid-19 e se solidariza com as famílias das vítimas

O Centro Universitário Doutor Leão Sampaio (Unileão) lamenta profundamente a trágica marca de mais de 500 mil mortes pela covid-19 no país e os quase 18 milhões de casos confirmados da doença em território nacional. O número de vidas perdidas foi atingido no último sábado (19), cerca de 15 meses após a confirmação da primeira morte pela doença no Brasil. A Instituição acredita que não se trata apenas de números ou estatísticas, mas de meio milhão de histórias interrompidas de maneira precoce, afetando famílias, amigos e todo o entorno do convívio social das vítimas.

A Unileão transmite os votos de conforto, apoio, solidariedade e empatia a todos que perderam seus entes queridos e ressalta que, desde a chegada da doença no país, a Instituição tem seguido rigorosamente as normas estabelecidas pelas autoridades públicas e continua atenta aos cuidados indispensáveis para uma prestação de serviços educacionais de maneira responsável, utilizando rigorosos protocolos de biossegurança nos seus espaços de aprendizado.

Além disso, a Instituição continua desenvolvendo ações que ajudam a sociedade a passar por esse momento desafiador, como seguir capacitando novos profissionais de maneira remota, prestando atendimentos essenciais à população por meio das aulas práticas e estágios na área da Saúde, devidamente autorizados por decreto estadual e municipal, e por ações sociais de arrecadação e doação de alimentos para famílias em situação de vulnerabilidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desculpe, mas você não pode copiar o conteúdo desta página.