24/10/2021

Zé Alfredo acorda dentro do caixão, fica asfixiado e prevê fracasso de plano: “Não é justo”

Em ImpérioJosé Alfredo (Alexandre Nero) sofrerá após forjar a própria morte. Nos próximos capítulos da trama, ele estará preso no caixão esperando Josué (Roberto Birindelli) chegar para resgatá-lo.

Tudo começará com Josué, o file escudeiro do comendador, se atrasando após atropelar Salvador (Paulo Vilhena) por acidente. Com isso, ele se atrasará para salvar o homem de preto. Enquanto Josué presta assistência no local do incidente, José Alfredo estará desesperado com o ar já acabando e sem bateria no celular.

“Não é justo… Do jeito que planejei, tinha que dar tudo certo”, dirá ele. Em instantes depois, Josué chegará para abrir o caixão. Ele encontrará o chefe desacordado e ficará desesperado. Ele irá sacudir o comendador e gritará para ele acordar. Mas, após não obter resposta alguma, o homem chorará se sentindo culpado.

Porém, do nada, José Alfredo respirará e acordará aliviado. Ele dará um grito ao vê Josué. Perto dali, Cora (Drica Moraes), acordará ao ouvir a voz do comendador.

Cora se comportará como viúva

Após surtar na rua, Cora irá até o cemitério. Ela não se aproximará e nem falará com ninguém. Quando forem ao cemitério, a megera ficará escondida atrás do túmulo e ficará chorando sem parar após todos deixarem o local.

“Não é justo. Ele se foi. Agora está lá, dentro de um caixão escuro para sempre… E eu não pude nem chegar perto! Mas se os coveiros disseram que não lacraram a tampa… Então, ainda não é tarde. Depois que tudo se acalmar, naquela hora em que o cemitério é propriedade só dos mortos, eu vou até lá, abro aquele caixão, olho pra ele pela última vez, chamo de ‘meu amor, ah, meu amor’, e dou um último beijo”, dirá ela.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desculpe, mas você não pode copiar o conteúdo desta página.